Por Natália Nunes

Unilever é o atual campeão da Superliga
Unilever é o atual campeão da Superliga

A 20ª edição está cheia de campeãs olímpicas. Confira os destaques das 14 equipes

São 15 medalhistas de ouro espelhadas pelos 14 times da temporada 2013/14. Rio de Janeiro e Osasco voltam a aparecer como favoritos ao título. Dessa vez, porém, equipes como Campinas, Sesi e Praia Clube prometem dificultar a vida dos rivais, soberanos nas últimas temporadas. Outras três equipes fazem sua primeira participação na competição: Araraquara, Brasília e Maranhão. Confira os destaques:

Araraguaia: Estreante na Superliga, com uma equipe jovem e uma treinadora, Sandra Leão.

Barueri: Tem como estrela a levantadora Fernandinha, campeã olímpica em Londres. É comandado pelo técnico Maurício Thomas, também treinador da seleção brasileira infanto-juvenil.

Brasília: Tem a ex-jogadora Leila como dirigente, e nomes como a ponteira Paula Pequena, bicampeã olímpica, e Érika Coimbra, maior pontuadora da história da Superliga.

Campinas: Terceira colocada na última temporada, o Campinas é comandado pelo tricampeão olímpico, Zé Roberto. Ainda conta com as campeãs olímpicas Natália e Tandara, a central Carol Gattaz, a capitã Walewska e a americana Kristin. É um forte candidato com título.

Maranhão: A equipe estreante tem jogadores jovens como a ponteira Nyemi, de 15 anos, e experiente, como a capitã Nikolle, a central Ednéia e a levantadora argentina Yael.

Minas: Comandado pelo técnico Marco Queiroga, o Minas traz a experiente líbero Arlene e a americana Alaina Bergsma.

Osasco: Atual vice-campeão, o Osasco manteve as estrelas da seleção Sheilla, Thaisa, Adenízia, Fabíola e Brait. O técnico Luizomar de Moura ainda conta com a sérvia Sanja Malagurski e a italiana Caterina Bosetti. O time inovará jogando de short saia e é um grande candidato ao título.

Pinheiros: Conta com nomes como Amanda e Samara. É comandado por Wagner Coppini.

Praia Clube: Tem nome de peso, como a oposto Mari, campeã olímpica em Pequim, a ponteira americana Kim Glass, a cubana Herrera e as gêmeas Monique e Michele.

Rio do Sul: Os catarinenses contam com a oposto Ciça e a central Edneia. Tem como treinador Rogério Portela.

Rio de Janeiro: Atual campeão da Superliga, é mais uma vez um forte candidato ao título. Treinado por Bernardinho, tem entre os destaques a sérvia Brankica Mihajlovic, a canadense Sarah Pavan, a levantadora Fofão e o trio da seleção brasileira: Fabi, Juciely e Gabi.

São Bernardo: Último colocado na Superliga 2012/2013, o São Bernardo passou por uma reformulação e manteve apenas três jogadoras, e ganhou sete reforços.

São Caetano: Também passou por uma reforma e apenas duas jogadoras ficaram na equipe, que conta com mais oito reforços, entre eles a central Flávia Assis.

Sesi-SP: O técnico Talmo de Oliveira ganhou o reforço de Pri Daroit e ainda conta com as campeões olímpicas Fabiana e Dani Lins. É outro candidato ao título.

Anúncios