Por Thais Ximenes

Community é uma série de comédia norte-americana exibida desde 2009 pelo canal NBC e na minha sincera opinião, é uma das poucas séries inteligentes que já foi feita na história da televisão. A premissa é básica e não anima quem procura uma nova série para assistir, também não conta com um elenco famoso, a não ser Chevy Chase, comediante conhecido por participar de Saturday Night Live e pela franquia de Férias Frustradas de Natal.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A história se passa na faculdade comunitária de Greendale onde um grupo de fracassados acaba se encontrando e formando um grupo de estudos. O líder é Jeff Winger, um advogado que teve sua licença cassada por não ter diploma e que agora corre contra o tempo para conseguir um. Logo no primeiro episódio, Jeff se encanta por Britta (Gillian Jacobs), uma jovem ativista que já fez de tudo na vida e vai para Greendale atrás de uma profissão. Abed (Danny Pudi) é um palestino-americano fanático por cultura pop e cinema, mas é obrigado pelo pai a estudar administração. Shirley (Yvette Nicole Brown) uma dona de casa divorciada que vai para a faculdade pela primeira vez. Annie (Alison Brie), uma nerd que destruiu a chance de ir para uma boa faculdade por ser viciada em remédios. Troy (Donald Glover), ex-quarterback se machuca e não pode mais jogar e Pierce (Chevy Chase), um idoso rico que frequenta a mesma faculdade há 10 anos. Os papéis de coadjuvantes ficam com Ben Chang (Ken Jong), um excêntrico professor de espanhol e com o Reitor Craig Pelton (Jim Rash), que reflete bem a diferente faculdade.

Olhando por esse lado, Community parece ser chata e previsível, mas é ai que você se engana. A quantidade de referências culturais que a série apresenta é fantástica e tudo isso graças a Abed, o viciado em cultura pop e cinema. Law & Order, Star Wars, M.A.S.H., Pulp Fiction, Doctor Who, Friends e tantas outras já tiveram episódios dedicados nesses quarto anos de série. Os episódios temáticos são um capítulo a parte mas só pra adiantar, já tivemos um episódio feito todo em stop-motion e outro feito no mesmo design dos vídeo games Atari. Por trás de tamanha genialidade estão Dan Harmon (The Sarah Silverman Program), idealizador do programa e os diretores de Arrested Development e Scrubs.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Os personagens são extremamente carismáticos e você acaba não só se apegando aos principais, mas também ao elenco de apoio que é fixo. Community foge das clássicas comédias americanas com risadas ao fundo e faz com que o telespectador pense ao usar tantas referências. Contudo, parece que o público americano não é suficientemente inteligente para entender tantas referências: Community vive na corda bamba das renovações desde sua estreia e a muito custo a série foi renovada para sua 5ª temporada, mas sem data certa para ir ao ar. Agora é rezar para que a NBC exiba uma temporada completa dentro do calendário previsto pelos show-runners.

Anúncios